Imagens, Comentários e Estórias de Valdanta (Chaves) e das suas gentes. O meu endereço é "pereira.mos@sapo.pt"
Quarta-feira, 17 de Outubro de 2007
Um Padre Artesão

 

Ainda antes de vir para Valdanta o padre Joaquim esteve por cá a exercer o sacerdócio um padre, suponho que de Barroso, chamado João. Acho até que foi ele que me baptizou, mas se não foi também não faz mal.
O padre João usava como transporte um cavalo, como a maioria dos padres dessa época.
Vivia nesta casa, propriedade da paróquia e que ainda hoje se chama “casa do Padre” e esta rua também tem o nome semelhante, “rua do Padre”.
Aqui ao lado vivia um lavrador que deixava sempre o seu carro de bois “estacionado” neste pátio.
Um dia, logo nos primeiros tempos da sua estadia por Valdanta, estava o senhor cura a consertar a sela do seu cavalo, sentado no pinalho do carro, sem as vestimentas próprias de um padre, quando chega por ali um homem, acho que da Abobeleira, que lhe pergunta pelo senhor padre João.
O padre olha para o homem, dá duas fungadelas, coça a cabeça, franze o sobrolho e diz:
- O senhor sobe aqui pela rua do padre acima, vira à direita, sobe a avenida e vai pela estrada abaixo, vai pela rua da Carreira e logo a seguir a um largo encontrará um homem sentado no pinalho dum carro de bois a consertar uma sela…, é ele.
O homem atendeu as instruções recebidas e seguiu caminho, deu a volta à aldeia e chegou ao mesmo sítio onde estava o padre sentado no pinalho do carro com a sela na mão, e muito admirado diz para o padre:
- Já corri Valdanta a toda a roda e o único homem que encontrei sentado no pinalho de um carro a consertar uma sela é o senhor.
- Pois então se não encontrou mais ninguém sou eu. Diga lá então, o que trouxe por cá?
O homem ficou sem palavras e demorou a refazer-se do espanto. Passado algum tempo, meio envergonhado, meio desconfiado e muito chateado lá contou ao cura o que tinha levado ali.


publicado por J. Pereira às 22:59
link do post | comentar | favorito

9 comentários:
De Uum Valtolvénico a 18 de Outubro de 2007 às 12:27
A história da palavra que lhe fugiu p'ra debaixo da língua!

Muito bem contada, como sempre!
E muito bem ao estilo do fabuloso Zé d'Arminda!

Para quando o lançamento desse "Livro de Blerostórias Valdantálicas"?

Uum Valtolvénico


De Dinis Ponteira a 18 de Outubro de 2007 às 21:38
Se se está a referir ao mesmo padre João, também esteve pelos meu lados, está actualmente se me não engano para os lados de Montalegre.
O Homem que costumava dizer, quando por lá andávamos " Rapazes vinde cá provar o meu vinagre"


De J. Pereira a 21 de Outubro de 2007 às 17:06
Não, Dinis, não me estou a referir ao "seu" padre João, mas a um muito mais antigo e que já faleceu há muitos anos. Eu não o conheci, só ouvi contar a "estória".


De J. Pereira a 21 de Outubro de 2007 às 17:06
Não, Dinis, não me estou a referir ao "seu" padre João, mas a um muito mais antigo e que já faleceu há muitos anos. Eu não o conheci, só ouvi contar a "estória".


De ÁguasFrias a 20 de Outubro de 2007 às 12:04
Caro J. Pereira
Mais uma vez nos delicia com as estórias de Valdanta que tão bem sabe contar.
Um abraço
Mário Silva


De c-a-l a 22 de Outubro de 2007 às 23:05
Visite o meu blogue amanhã, depois de jantar, e leia o meu primeiro poema dedicado à minha terra natal, Chaves.

www.c-a-l.blogspot.com


De J. Pereira a 23 de Outubro de 2007 às 09:41
Já visitei várias vezes o seu blog e confesso que estou a gostar bastante dos seus poemas e das fotografias apresentadas. O amor à terra que nos viu nascer é uma imagem de marca de todos os ausentes.
Vou fazer um Link neste sítio para que todos quantos nos visitam nasbém possam apreciar a sua arte. Obrigado e parabéns.


De c-a-l a 22 de Outubro de 2007 às 23:09
Visite o meu blogue amanhã, depois de jantar, e leia o meu primeiro poema dedicado à minha terra natal, Chaves.

www.c-a-l.blogspot.com


De c-a-l a 22 de Outubro de 2007 às 23:09
Visite o meu blogue amanhã, depois de jantar, e leia o meu primeiro poema dedicado à minha terra natal, Chaves.

www.c-a-l.blogspot.com


Comentar post

J. Pereira
Março 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


O Tempo em Valdanta
blog-logo
Flavienses TT
Visitas
posts recentes

Uma Matança em Valdanta

Mais reis

Os Reis de 2013 cantados ...

S. Domingos

Cantos da minha paixão

O Folar de Chaves

Neblina até Curalha

Grupo AMIZADE

CALDO DO POTE (para o Nov...

Boas Festas

O Cando com Encanto

Valdanta está em festa

Festa de S. Domingos - Pr...

Um amigo está doente

“Maldição de S. CAETANO(?...

Xinder

Princípio do Fim

Brincadeiras

UMA PÁSCOA EM TEMPO DE CR...

Missa de 7.º Dia

Recantos da minha Terra

Geração à Rasca

Valdantenses por outras p...

A Primavera vem aí

S. Domingos 2011

Amendoeiras em Flor

Reflexos

Tive Sorte

Recantos

Beleza de Valdanta e do M...

Esclarecimento

O recreio da minha escola

Um bom serão

Torneio de FUTSAL

Os Reis

Hoje é dia de Reis

Feliz 2011

Feliz Natal

Matança do Reco na ABOBEL...

O Blero

G. D. de Chaves (anos 50)

4.º Aniversário do Blog

S. Domingos - Resumo da s...

Ovelheiro

Igreja da Abobeleira

Nadir Afonso - Doutor Hon...

Encontro dos Bloguistas d...

Recanto de Valdanta

A D. Maria Isabel faleceu

É preciso ir aos treinos

arquivo

Março 2013

Janeiro 2013

Agosto 2012

Maio 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006