Imagens, Comentários e Estórias de Valdanta (Chaves) e das suas gentes. O meu endereço é "pereira.mos@sapo.pt"
Terça-feira, 7 de Agosto de 2007
S. Domingos

S.Domingos1

 

S.Domingos1 (35)

 

S.Domingos1 (2)

 

 

Afinal ainda houve uma réstea de S. Domingos. Saiu o andar, bonito por sinal, enfeitado com flores naturais e sem aqueles aparatos feitos de tecidos brilhantes como era hábito, por isso muito mais simples e bonito. Não passou pelas ruas do costume porque o pároco da freguesia assim não entendeu, e o povo ficou descontente porque há costumes e tradições que devem ser respeitados e até acarinhados para bem de todos e da própria Fé.

 

Desde que me conheço, e sempre ouvi dos mais velhos, que a festa do S. Domingos se realiza no dia 4 de Agosto de todos os anos, independentemente do dia da semana em que este venha a calhar, mas constou-me que o sr. padre Augusto, este ano, resolveu inventar um outro dia porque teria a festa do emigrante em Curalha e então os de Valdanta que escolhessem outro dia para o seu padroeiro. Ora, o senhor padre Augusto já está na paróquia de S. Domingos de Valdanta há mais de 35 anos e ainda não conseguiu decorar o dia do seu padroeiro? É certo que a sua saúde já não é o que era, mas lapsos destes não se podem permitir com a agravante de que os poucos crentes que ainda existem percam a sua Fé e que ninguém lhe apareça nos actos religiosos. Sobre este assunto recordo com muita saudade o saudoso padre Joaquim que dirigia o seu "rebanho" com a arte e o saber do seu próprio povo.

 

Eu queria estar em Valdanta, como prometi, neste dia de festa do povo de Valdanta, mas tal não me foi possível devido ao meu estado de saúde que continua precário, mas tenho a felicidade de ter muitos amigos e esses não se esqueceram de mim nem do Blog e enviaram-me fotografias do andor e da tradicional volta à igreja cantando "S. Domingos de Valdanta, grande amor".

 

Os meus agradecimentos ao Jorge Romão pelas fotografias e um grande abraço.



publicado por J. Pereira às 17:55
link do post | comentar | favorito

3 comentários:
De Lai Cruz a 9 de Agosto de 2007 às 12:00
É verdade neste dia, o povo de Valdanta ficou descontente porque os costumes e tradições não foram respeitados.
Só a vontade de um é que prevaleceu. O trajecto foi alterado, não se passou pelas ruas do costume, não se percebeu muito bem porquê, sinónimo de má vontade.
(Se quem dirigiu o rebanho foi à boleia, tanto fazia percorrer 200 como 300 metros.)
Fiquei admirada... enfim... o Sr. Padre é que sabe!!!


De Luís da Granjinha a 9 de Agosto de 2007 às 22:32

O Dia 4 de Agosto é, por excelência, O DIA DA FREGUESIA DE VALDANTA.

E até calha (se preferirem, escrevo "coincide") no cume da época de Férias.
E Férias significa, particularmente, para as povoações do interior, um aumento volumoso de visitas e presenças.

Porém, nesta Freguesia, até mesmo a época de Férias parece estar a ser alarmante sinal da sua decadência - poucas pessoas acrescentaram alegria às reuniões colectivas e movimento às ruas das Aldeias.

Nem o Dia da Freguesia mereceu uma festividade condigna com as Tradições e a secular identidade dos VALDANTENSES!

Freguesia com pároco titular, até este dignitário se demitiu da sua responsabilidade histórica (e não só!) para com o Povo de VALDANTA!

Infelizmente, pela nação lusitana ainda não se estabeleceu o entendimento da clara separação entre a laicidade e a religiosidade.

VALDANTA, como qualquer povoado ou metrópole lusíadas, não perde a sua razão de existir e celebrar as suas Tradições, as suas Memórias e as suas Gentes, mesmo que um qualquer cultivador de credos resolva dormir uma sesta, ou ir pregar a outra freguesia, alheando-se de uma celebração maior.
Assim, os VALDANTANOS que aprendam, definitivamente, a contar mais consigo e, por si próprios, celebrem, ao seu gosto e à sua maneira, com credos ou sem credos, O DIA DE VALDANTA - que até pode ser o Dia de S. Domingos, para uns, mas que seja o Dia dos VALDOLMÉNICOS para todos.

Então, haja um Programa de Diversões e um Arraial a preceito para que o tradicional cordeiro (tão bem acompanhado!), aí preparado pelas melhores cozinheiras do mundo, faça um Bom Proveito; e a comunhão de recordações, a matança de saudades, a alegria de nos vermos uns aos outros, o entusiasmo de compartirmos os votos de felicidades nos encha o coração de felicidade e ânimo para mais um Ano de lutas pela Vida e de Saudades da Nossa Terra!

No Dia 4 de Agosto celebremos a Amizade, a boa vizinhança, a solidariedade vivida mais uma ano; festejemos as alegrias, os sucessos e as colheitas de mais doze meses de trabalhos, de canseiras, de expectativas; e consolemo-nos das dores, das distâncias e das saudades, envoltos no calor e no entusiasmo de estarmos acompanhados de quem gostamos, de vermos quem nos alegra e de recordarmos quem nos fez feliz e nos deu alento para a Vida!
Esta, celebremo-la, pois, com a boa mesa, a boa pinga; os bailaricos; as idas e vindas a casa de uns e às Adegas de outros; os votos de Boa Saúde para todos os que se cruzam connosco; com os barulhos dos risos e das conversas a combinarem-se com os tangos e as marchas da Banda de Música ou os punks e os rocks amigos do Conjunto.

Nesse dia brinde-se à Saúde e à Sorte de todos os Valdantinos!

E Louve-se a Vida!

Luís da Granjinha


De Fe a 12 de Agosto de 2007 às 23:25
Amiga

Por se fiesta en Valdanta
desde lejos ha venido
una señora, amiga,
una rosa sin espinos.

En la procesión, devota,
en ese día festivo
cubre sus ojos azules,
como el cielo infinito.

El "Cielo" le dió su nombre
y la ampara en su camino;
digna hija de esta tierra,
una rosa, ya lo he dicho.



Comentar post

J. Pereira
Março 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


O Tempo em Valdanta
blog-logo
Flavienses TT
Visitas
posts recentes

Uma Matança em Valdanta

Mais reis

Os Reis de 2013 cantados ...

S. Domingos

Cantos da minha paixão

O Folar de Chaves

Neblina até Curalha

Grupo AMIZADE

CALDO DO POTE (para o Nov...

Boas Festas

O Cando com Encanto

Valdanta está em festa

Festa de S. Domingos - Pr...

Um amigo está doente

“Maldição de S. CAETANO(?...

Xinder

Princípio do Fim

Brincadeiras

UMA PÁSCOA EM TEMPO DE CR...

Missa de 7.º Dia

Recantos da minha Terra

Geração à Rasca

Valdantenses por outras p...

A Primavera vem aí

S. Domingos 2011

Amendoeiras em Flor

Reflexos

Tive Sorte

Recantos

Beleza de Valdanta e do M...

Esclarecimento

O recreio da minha escola

Um bom serão

Torneio de FUTSAL

Os Reis

Hoje é dia de Reis

Feliz 2011

Feliz Natal

Matança do Reco na ABOBEL...

O Blero

G. D. de Chaves (anos 50)

4.º Aniversário do Blog

S. Domingos - Resumo da s...

Ovelheiro

Igreja da Abobeleira

Nadir Afonso - Doutor Hon...

Encontro dos Bloguistas d...

Recanto de Valdanta

A D. Maria Isabel faleceu

É preciso ir aos treinos

arquivo

Março 2013

Janeiro 2013

Agosto 2012

Maio 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006