Imagens, Comentários e Estórias de Valdanta (Chaves) e das suas gentes. O meu endereço é "pereira.mos@sapo.pt"
Terça-feira, 22 de Maio de 2007
Para que serve isto?

 

Há já algum tempo que eu faço uma pergunta a mim mesmo sobre este edifício:

 

- Para que é que isto servirá?

 

Em tempos ouvi dizer que era uma fábrica textil ou de malhas. Será?

 

É verdade que os terrenos, suponho que baldios, não produziam grande coisa, mas apresentar aqui um edifício que se calhar até foi construído a fundos perdidos e com algum financiamento do Estado Português, do qual somos contribuintes, com o engodo de criar emprego na região e especialmente na freguesia que cedeu os terrenos é, pura e simplesmente, atirar areia para os olhos dos contribuintes.

 

Começo a ouvir, por aqui, as pessoas queixarem-se que lhes estão a tirar os baldios todos, sem justificação e sem qualquer recompensa para as populações.

 

Não quero armar-me em nenhum salvador da pátria, mas gostava de saber como é que essas coisas são feitas e com que transparência. Já ouvi a versão de que o Lar de Idosos da Abobeleira está a ser aí construído, porque os terrenos que deram algum dinheiro, Casino de Chaves, pertenciam à freguesia da Abobeleira, ficando a freguesia de Valdanta a ver navios. Parece-me que o tal Lar de Idosos está a ser levado a efeito por uma associação particular sem fins lucrativos (claro), mas da qual, a Junta de Freguesia de Valdanta não faz parte, por isso não terá qualquer voz activa.

 

Sobre o lar já chega, por hoje, gostava de saber como é que é a história das pessoas comprarem terrenos para construção junto dos baldios com a finalidade de um futuro alargamento sem qualqur contrapartida.

 

Senhor Presidente da Junta de Freguesia de Valdanta, abra os olhos porque os "Chicos Espertos" aparecem com as maiores fantasias e habilidades com o fim de atigirem os seus objectivos.

 

 



publicado por J. Pereira às 17:08
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Domingo, 20 de Maio de 2007
Valdanta (anos 70)

 

Mais uma equipa de futebol de Valdanta dos anos 70. Apenas reconhço o Celestino (Garrido), Irineu, João Maria e João Mau (em cima), Zé da Guita e o Zé Narciso (em baixo). Os restantes digam-me vocês quem são!...



publicado por J. Pereira às 15:45
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Sexta-feira, 18 de Maio de 2007
Caminho do Cando

 

Há dias de todas as formas e feitios, para todos os gostos e dias menos bons que outros. Os meus últimos dias não serão propriamente dos melhores, pois tem faltado quase tudo, saúde, boa disposição e inspiração para fazer um post à medida das encomentas.

 

Por todas estas razões e mais algumas que não são para aqui chamadas não consegui fazer um post com "estória", mas deixo-vos aqui uma fotografia de um recanto novo de Valdanta, o tal recanto que já não é nosso, pois nem sequer nos pertence.

 

Um abraço para todos e a promessa de que quando voltar aqui será com outra disposição!...



publicado por J. Pereira às 17:38
link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito

Domingo, 13 de Maio de 2007
4.º Torneio de FUTSAL - 3.ª Jornada

Tudo acabou sem glória pois Valdanta acabou de perder em casa com o Santo Estevão por 2-5.

Tendo jogado desfalcado sem um dos titulares, Shoio, o Valdanta até começou bem pois esteve a ganhar por 1-0 mas, tal como já tinha acontecido com o Santa Maria Maior, o 2.º tempo foi fatal para as nossas aspirações e a equipa acabou por sofrer uma derrota pesada e muito longe dos pergaminhos dos Valdantenses.

Esperamos por novas oportunidades sem desanimar, mas fçam-no com preparação, organização e sentido da responsabilidade. Quer seja uma lição para reflectir sobre as situações menos boas e que se levante a cabeça para seguir em frente.

 


sinto-me:

publicado por J. Pereira às 19:41
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Sexta-feira, 11 de Maio de 2007
Super Rabanete

 

 

É com muito e orgulho e até um pouco de vaidade que faço este post.
Os alunos da Escola EB1 de Esqueiros – Vila Verde (Minho) fizeram um livro que foi lançado com pompa e circunstância no passado dia 2 de Maio na Escola EB23 de Vila Verde.
O livro chama-se O Super Rabanete e, com uma história infantil mostra-nos a razão para uma alimentação saudável, quando se fala muito, mas há poucas iniciativas válidas que tratam a obesidade infantil.
No tempo dos hamburgers pré-fabricados, os panikes, os croissants e outras iguarias tão prejudiciais à saúde das crianças, adolescentes e até muitos adultos, é de realçar esta iniciativa. Falar da roda dos alimentos e da sua acção nutricional, quase em desuso, e que muitos educadores quase ignoram é um acto de coragem, bom senso e cheio de oportunidade.
Educar as crianças para a vida ensinando-as a alimentar-se de uma forma saudável também faz parte das regras da boa educação.
Mobilizar as crianças para um acto destes até nem seria muito difícil, mas as educadoras e suas auxiliares mobilizaram toda a comunidade de Esqueiros para a iniciativa. Até um concurso de tocadores de concertinas com cantares regionais e ao desafio conseguiram organizar. É obra!...
Porquê este post se isto se está a passar lá para o Minho? Nós até gostamos de comer tudo e de qualquer maneira, e então se forem gulodices, tanto melhor.
É que a mentora deste projecto chama-se Adelaide Pereira da Cruz (Lai-Lai), natural de Valdanta, comentadora e colaboradora assídua deste Blog, a leccionar na escola básica de Esqueiros, a quem endereçamos os nossos mais sinceros parabéns pela iniciativa e a certeza de que com a força e apoio de quem serve conseguirá muito mais. Também quero enaltecer a atitude de toda a gente de Esqueiros que soube acolher e apoiar incondicionalmente esta oportunidade.
Faço aqui um link http://www.eb1-esqueiros.rcts.pt/ ao site da escola, embora já exista na coluna ao lado, para que todos vejam o tamanho e valor da iniciativa.
 
Parabéns Lai e um grande beijo.         


publicado por J. Pereira às 15:45
link do post | comentar | ver comentários (61) | favorito

Domingo, 6 de Maio de 2007
4.º Torneio de FUTSAL - 2.ª Jornada

 

 

A Equipa de FUTSAL de Valdanta jogou hoje a 2.ª jornada do referido torneio. O jogo disputou-se em Santo Estevão e teve pela frente a equipa de Santa Maria Maior.

 

O resultado final foi 5-5, mas a equipa de Valdanta até esteve a ganhar por 3-0, tendo claudicado nos momentos finais.

 

Lamentamos que, de Valdanta, não tenha estado quase ninguém a ver o jogo e a apoiar a equipa. Antigamente não era assim.

 

Peço daqui, das terras do Douro e Sabor, que na próxima jornada, já que é em Valdanta esteja gente com fibra para apoiar a equipa e cantar como antigamente, nos tempos das grandes vitórias mas fracas posses a raparigas recebiam os atletas com aquela (nossa) cantiga:

- Valdanta é um jardim,

  toda a gente diz assim:

- Ó que linda a nossa terra!...

 

Vamos lá rapaziada!...



publicado por J. Pereira às 22:56
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Para todas as Mães

 

Hoje, como não podia deixar de ser, venho aqui oferecer estas rosas a todas as MÃES do mundo e em particular à minha MÃE com um Grande Beijo e votos de muitas fecicidades e longa vida.



publicado por J. Pereira às 20:15
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Terça-feira, 1 de Maio de 2007
O Ti Manel Zé

 

 

Quando vi esta fotografia não pude deixar de lembrar as "estórias" do ti Manel Zé  que viveu nesta casa e foi emigrante no Uruguai ou em Montevideo, como se costuma dizer por Valdanta.

 

O Uruguai foi uma terra de imigração de muitos Valdantenses e consta-se que até parece que foram escolhidos a dedo pelo seu geito e forma de dizer as coisas. Isto é, cada um mais aldrabão que o outro. Recordemos alguns que ficaram por lá, caso do ti Sidério, Caramona, Zé Rodrigues. Que descansem em paz.

 

Dos que regressaram, há alguns que são dignos de se lhes recordar as suas aventuras, como são os casos do João "Esmorna", o ti Ranhonga e do nosso amigo ti Manel Zé que é de quem nos vamos lembrar hoje. Costumava ouvi-lo lá para a Azinheira quando ambos guardávamos o gado.

 

Ora o ti Manel sempre foi um homem ligado à agricultura, não muito amante, mas fazia o que podia. O Uruguai também era e é um país agrícola, por isso quando lá chegou arranjou trabalho numa quinta ou "hacienda" e o serviço era fazer tudo o que ao campo diz respeito, semear e tratar da horta; criar e cevar galinhas, patos e porcos; tratar da vinha etc..

 

Tinha, o fazendeiro, uma porca com 7 porquinhos que pôs aos cuidaddos do ti Manel. Para que não lhes faltasse nada, o criado semeou cabaças, ou abóboras  e como o terreno era fértil, nasceram rápido e criou-se cada cabaça de respeito em qualidade e tamanho.

 

O ti Manel Zé não precisou de tratar mais da criação, virou-os para as cabaças e deixou andar para que se criassem à vontade.

 

Entretanto as cabaças cresceram e ficaram enormes, dignas de serem vistas por qualquer pessoa ilustre.

 

Deixou-os andar e não ligou mais ao assunto até que o patrão perguntou pelos porcos. Procura daqui, procura dali e não havia meio de encontrar os animais, até que o patrão foi também ajudar na procura e encontraram a porca com os seus 7 porcos, já cevados, dentro de uma cabaça e cada um, a pesar mais que dez arrobas e a porca mais de quinze.

 

Cabiam todos lá dentro, onde se alimentavam e dormiam folgadamente, sem necessidade de vir cá para fora.

 

Imaginem o tamanho da cabaça!...

 

 

 

 



publicado por J. Pereira às 18:47
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito

J. Pereira
Março 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


O Tempo em Valdanta
blog-logo
Flavienses TT
Visitas
posts recentes

Uma Matança em Valdanta

Mais reis

Os Reis de 2013 cantados ...

S. Domingos

Cantos da minha paixão

O Folar de Chaves

Neblina até Curalha

Grupo AMIZADE

CALDO DO POTE (para o Nov...

Boas Festas

O Cando com Encanto

Valdanta está em festa

Festa de S. Domingos - Pr...

Um amigo está doente

“Maldição de S. CAETANO(?...

Xinder

Princípio do Fim

Brincadeiras

UMA PÁSCOA EM TEMPO DE CR...

Missa de 7.º Dia

Recantos da minha Terra

Geração à Rasca

Valdantenses por outras p...

A Primavera vem aí

S. Domingos 2011

Amendoeiras em Flor

Reflexos

Tive Sorte

Recantos

Beleza de Valdanta e do M...

Esclarecimento

O recreio da minha escola

Um bom serão

Torneio de FUTSAL

Os Reis

Hoje é dia de Reis

Feliz 2011

Feliz Natal

Matança do Reco na ABOBEL...

O Blero

G. D. de Chaves (anos 50)

4.º Aniversário do Blog

S. Domingos - Resumo da s...

Ovelheiro

Igreja da Abobeleira

Nadir Afonso - Doutor Hon...

Encontro dos Bloguistas d...

Recanto de Valdanta

A D. Maria Isabel faleceu

É preciso ir aos treinos

arquivo

Março 2013

Janeiro 2013

Agosto 2012

Maio 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006